Menu

SWF file not found. Please check the path.

29 de Março de 2015

PPA Participativo terá “Escuta Social”. Mas que diabo é isso?

Entidades e instituições que fazem parte do Colegiado Territorial da Costa do Descobrimento tem uma reunião marcada para terça-feira (31), no hotel Porto Nápolis, em Eunápolis, durante todo o dia, começando as 8 horas. Na pauta haverá “Escuta Social” do PPA Participativo (Plano Pluiranual) 2016-2019, com participação de representantes da Seplan (Secretaria Estadual de Planejamento).   

Apesar do PT controlar o movimento em torno da discussão, o convite oficial parece estar escirto em “tucanês” indecifrável. Diz o seguinte:

“O Governo optou por sistematizar o conjunto das demandas territoriais já apresentadas no último PPA Participativo (2011-2015), no Plano de Governo Participativo (PGP) e nos Planos Territoriais de Desenvolvimento Sustentável (PTDS), reconduzindo-as aos Colegiados Territoriais para a validação das necessidades de cada território”.

E mais: “A partir desse diálogo entre o Governo e a sociedade, será feita a qualificação geral das demandas e a definição de prioridades, com vistas aos próximos quatro (04) anos”.

 

Deu pra entender? Mas estão chamando isso de “diálogo com a sociedade”. 

Leia mais ...

O que Robério tem a ver com tudo isso?

O deputado Robério Oliveira não pode deixar um mero copiloto kamikaze sozinho na cabine durante seu voo político. Hoje voando nas alturas como a liderança mais influente do extremo sul baiano, o ex-prefeito de Eunápolis tem que pilotar pessoalmente seu projeto político, sem deixar que outros façam por ele. Maturidade e habilidade pra isso ele tem de sobra. Inclusive para avaliar com equilíbrio o que é melhor nesse momento, a paz ou a guerra. 

Leia mais ...

Vereador Ramos Filho disse que apoia reeleição de Neto

Apontado como prefeiturável, o vereador José Ramos Filho (PTC) comentou com o editor do site Bahia40graus, no fim de semana, sobre o momento político de expectativas quanto ao cenário eleitoral de 2016. O edil afirmou que apoia a reeleição do prefeito Neto Guerrieri, como a “melhor escolha para Eunápolis”. Ele não quis comentar o que acha dos demais prefeituráveis. 

Leia mais ...

Governo aperta o cinto, enquanto deputados gastam mais

O governador Rui Costa (PT) vive falando em apertar o cinto, enxugar a máquina, sinalizando até com cortes no Orçamento. Enquanto isso, insensível a realidade, o presidente da Assembleia, Marcelo Nilo (PDT), aumentou a verba e gabinete dos deputados baianos em mais R$ 14 mil, subindo a cota de R$ 78 mil para R$ 92 mil. O dinheiro que paga as mordomias dos parlamentares vem do mesmo lugar: o bolso do contribuinte.

Leia mais ...

Corrupção contra Receita envolve grandes grupos empresariais do país

Empresas multadas pela receita pagavam propina para manipular resultado dos recursos.

24 pessoas e pelo menos 15 escritórios de consultoria e advocacia são suspeitos de participar de esquema de corrupção contra Receita Federal. O jornal O Estado de São Paulo publicou a denúncia com a lista das empresas supostamente favorecidas.

A Operação Zelotes, deflagrada na semana passada pela Polícia Federal, investiga a venda de decisões do CARF (Conselho Administrativo de Recursos Fiscais). O grupo -  que tem a participação de conselheiros e ex-conselheiros do órgão – é suspeito de manipular o resultado de julgamento para favorecer empresas multadas pela Receita Federal. O prejuízo pode chagar a 20 bilhões de reais.

 

Na lista divulgada pelo jornal paulistano estão: Ford, Mitisubshi, Sadia, Perdigão, Santander, Bradesco, Safra, Bank Boston, Gerdau e RBS. Empresas citadas na Operação lava Jato também são citadas, como a construtora Camargo Correia. A maioria negou as acusações, outras não se manifestaram.  

Leia mais ...

Neto e o futuro político de Eunápolis

A menos de dois anos de concluir o primeiro mandato, o prefeito de Eunápolis, Neto Guerrieri, tem a responsabilidade de decidir o futuro político da cidade. Está nas mãos dele vir candidato a reeleição, com mérito e favoritismo, afinal, ele conta com o apoio dos 17 vereadores, uma aliança partidária que engloba mais de 12 partidos e tem boa parte da sociedade a favor.

Também será o candidato apoiado pelo governador e o PT estadual, isso levando em conta que a boa relação com o deputado Robério se manterá, o que até agora não há motivo para se duvidar.  

Mas, por enquanto, há apenas a ansiedade do meio político para que Neto anuncie a decisão de se candidatar ou não. E como não existe eleição ganha, pior ainda reeleição. Mesmo com tudo e todos a favor, o prefeito tem pela frente obstáculos a vencer, como a avaliação do governo, a popularidade e a eficiência do secretariado. 

A reforma política e o fim da reeleição devem ser determinantes na escolha de Neto. Muitos apostam que ele não deve se decidir antes de conhecer que futuro terá a política brasileira. Até lá, estão todos convidados ao suspense.  

Leia mais ...

Porto Seguro: Mesmo preso, vereador não perderá mandato

Regimento da Câmara Municipal dá direito a Geraldo Conador (PSB) de receber subsídios e vantagens, enquanto estiver preso ou respondendo processo na Justiça.

O Legislativo Municipal de Porto Seguro não sofrerá mudança na composição, apesar de o vereador Geraldo Contador (PSB) ter sido preso pela Polícia Federal, na sexta (27), por fraudes contra a previdência social. Antônio Geraldo Couto caiu pela 2ª vez nas mãos da polícia por fraudes contábeis. Na Operação Monte Pascoal, em 2011, ele também foi levado por fraudes no Imposto de Renda de Pessoas Físicas e Jurídicas.

 

Pelo Regimento Interno da Câmara de Porto Seguro, segundo uma fonte da instituição, o vereador só perde o mandato caso seja condenado pela Justiça, o que mantém Geraldo no cargo. O presidente da Câmara, vereador Élio Brsil (PT), ainda não se pronunciou sobre o caso. 

Leia mais ...

Vereador Geraldo Contador foi levado para presídio de Teixeira

Na tarde de sexta (27), a Polícia Federal (PF) transferiu para o presídio de Teixeira de Freitas o vereador de Porto Seguro Geraldo Contador (PSB), preso no mesmo dia durante a Operação Pacioli, que combate fraudes contábeis contra a previdência social. O edil faz companhia aos demais presos na Operação, como o contador Dionísio do Carmo, detido em Itabela.

 

Geraldo Contador cumpre prisão preventiva e prestou depoimentos na Delegacia da PF em Porto Seguro. A polícia levou documentos e computadores de seu escritório na Avenida Navegantes. Não há data para o edil deixar a cadeia, mas ele não perde o mandato enquanto ficar preso e até ser julgado e condenado pela Justiça, segundo o Regimento Interno do Legislativo municipal.

Leia mais ...

Bahia 40 Graus

  • Fundado em novembro de 2012
  • O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.
  • Tel.: (73) 3281-6908 / (73) 8148-9300