Menu
Banner CDL
31 de Outubro de 2014

2º turno: PSDB pede auditoria nas urnas

Partido quer ter acesso a cópias dos boletins de urna e demais documentos gerados nas sessões eleitorais, dos arquivos eletrônicos com a memória dos resultados, além dos logs originais e completos das urnas eletrônicas e de transmissão e recebimento dos dados da apuração.

Quatro dias depois das eleições, o PSDB ingressou no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) na quinta-feira, 30 de outubro, com um pedido de auditoria sobre o resultado das eleições presidenciais. O partido, derrotado pela presidente Dilma Rousseff (PT) por uma diferença de três pontos porcentuais, quer que a Corte crie uma comissão especial formada por representantes indicados pelos partidos políticos para avaliar a fiscalização dos sistemas utilizados no pleito.

O pedido foi protocolado pelo deputado Carlos Sampaio (PSDB-SP), coordenador jurídico da campanha presidencial do tucano Aécio Neves. Embora diga ter confiança na Justiça Eleitoral, o partido afirma que manifestações em redes sociais questionam o processo e ressalta que a auditoria pode dar certeza ao cidadão sobre o sistema eleitoral. O TSE ainda não se manifestaria.

O PSDB quer que a comissão especial tenha acesso a cópias dos boletins de urna e demais documentos gerados nas sessões eleitorais, dos arquivos eletrônicos com a memória dos resultados, além dos logs originais e completos das urnas eletrônicas e de transmissão e recebimento dos dados da apuração. 

E também acesso a todas as ordens de serviço e registros técnicos sobre manutenção e atualização dos serviços técnicos relativos ao segundo turno, aos programas de totalização de votos e aos programas e arquivos de urnas usadas, que seriam escolhidas aleatoriamente em pelo menos dez cidades de cada estado.

O PSDB argumenta que a credibilidade do sistema brasileiro precisa ser reafirmada.

“A legitimidade da representação popular, em qualquer país democrático, está diretamente relacionada com a confiança do povo brasileiro no processo eleitoral e nas instituições públicas. Neste momento, as manifestações de uma parte considerável da sociedade brasileira não estão em consonância com esta esperada confiança, o que exige dos órgãos responsáveis pelo processo eleitoral e dos agentes que participaram das eleições ações concretas para que quaisquer dúvidas sejam dissipadas”, diz a petição.DA Redação com Veja e O Globo.

Leia mais ...

Itabela: Polícia Federal apreende 700 kg de maconha na BR 101

Policiais federais de Porto Seguro e Ilhéus participaram da operação na BR 101.

Uma carga de madeira transportada em um caminhão procedente de São Paulo escondia 700 kg de maconha. O veículo foi interceptado por agentes da polícia federal das delegacias de Porto Seguro e Ilhéus, quando trafegava na BR 101, na cidade de Itabela, no extremo sul baiano, nesta quinta-feira, 30 de outubro. O motorista, que alegou não conhecer o conteúdo da carga, foi preso.

Leia mais ...

Depois de eleito deputado, Robério volta a enfrentar o Ministério Público. Maria também

Quase dois anos depois, indefinição jurídica vivida em dezembro de 2012 na Prefeitura de Eunápolis é pauta do Ministério Público estadual (MP-BA).

O site Bahia40graus ouviu um dos advogados do ex-prefeito de Eunápolis Robério Oliveira, eleito deputado estadual em 5 de outubro, e também a vice-prefeita Maria Menezes sobre a recente ação movida contra eles pelo Ministério Público estadual, acusando Robério de não ter se afastado do cargo e Maria de não ter assumido a Prefeitura, em dezembro de 2012.

O advogado de Robério alega que depois da sentença do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), não houve citação alguma das pessoas e instâncias envolvidas: “O juiz da Fazenda Pública local não foi citado pelo Tribunal; o prefeito não foi citado; a vice-prefeita e a Câmara de Vereadores também não foram”, argumenta.

Já a vice-prefeita Maria Menezes também se defende: “Não recebi citação nenhuma do Tribunal ou do juiz da Comarca local, nem da Câmara Municipal. Como iria assumir um cargo de chefe do Executivo municipal sem a formalidade que o ato pede?”.

Ação - A Ação Civil Pública movida contra Robério e Maria acusa os dois políticos de crime de improbidade, entre outros, e também por deixarem de cumprir decisão judicial, na opinião do MP-BA,  sem a devida justificativa. Os autores são os promotores João Alves Neto e Dinalmari Messias, que pedem o bloqueio dos bens do ex-prefeito e de Maria Menezes para garantir o ressarcimento do erário, caso a ação seja acatada pela Justiça, o que pode não ocorrer. O caso ainda é relacionado àquela revista publicada pela Prefeitura de Eunápolis, onde o então prefeito Robério aparece em fotos ao lado de autoridades, entre elas o então presidente Lula e o então governador Paulo Souto.

Leia mais ...

Assassinato de Rielson completa 90 dias sem solução

Passados 90 dias do assassinato do então prefeito de Itagimirim, Rielson Lima (PMDB), a polícia civil não chegou ainda a nenhuma conclusão que leve aos culpados do crime brutal, que tirou a vida de um pai de família, eleito duas vezes pela população de Itagimirim para chefiar o Executivo e que era considerado um homem de bem.

Rielson foi assassinado em praça pública, na noite do dia 29 de julho, por um pistoleiro que parecia ter a certeza da impunidade. O crime volta a manchar de sangue a política do extremo sul baiano e deixa a confiança na polícia por parte da população. A família do ex-prefeito não sabe mais a aquem apelar para que o caso seja elucidado e os culpados sejam punidos.

Leia mais ...

Ultrapassagem proibida terá multa inicial de R$ 1.940,15

O Código de Trânsito Brasileiro muda a partir deste sábado, 1º de Novembro. Começam a valer as novas multas para ultrapassagem proibida no trânsito. Quem for flagrado cometendo a infração pagará multa de R$ 1.915,40 e esse valor poderá chegar a R$ 3.830,80 em caso de reincidência do infrator.

Segundo a Polícia Rodoviária Federa (PRF), 20% das infrações cometidas pelos motoristas nas rodovias são ultrapassagens proibidas. Foram 25,7 mil infrações dessa natureza registradas pela PRF de janeiro até 22 de outubro deste ano. As ultrapassagens proibidas causam a maioria dos acidentes fatais nas estradas.

Leia mais ...

Porto Seguro: turista mineiro morre vítima de álcool e droga

O estudante  eturista Mateus Vinícius Rodrigues, de 16 anos, que estava passeando em Porto Seguro, participando das atividades da Semana do Saco Cheio, morreu na terça-feira, 29 de outubro, depois de ficar internado 13 dias no Hospital público Luís Eduardo Magalhães.De acordo com o site Radar64, o estudante foi vítima de complicações por uso de drogas ilícitas e álcool. A Semana do Saco Cheio, reúne em porto Seguro milhares de estudantes em férias escolares pré-Enem, vindos do sul, sudeste e centro-oeste. 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Leia mais ...

João Leão representa governo Rui em Brasília

O deputado federal João Leão (PP) será o articulador do governo Rui Costa (PT) em Brasília, enquanto ainda detém o mandato, antes de ser empossado vice-governador. A afirmação foi do governador eleito, ao detalhar o funcionamento da comissão de transição da gestão de Jaques Wagner.

O deputado eleito vice-governador fará a interlocução com o governo federal e com os ministérios, segundo Rui. Nesta quinta-feira, 30, João Leão encontra-se com Manoel Vitório, coordenador da transição de governo, para ver o quadro financeiro do Estado, relacionado a transferências e convênios que estão em andamento, sejam novos convênios, novos contratos que possam ainda ser empenhados esse ano e/ou possam ser colocados no orçamento do ano que vem, disse Rui em coletiva de imprensa em Salvador.

Segundo o governador eleito, a comissão de transição e seus auxiliares informais cuidarão para que os orçamentos estaduais e federais possam dar suporte às propostas apresentadas pelo novo governo baiano. Da Redação com informações do Bahia Notícias

 

Leia mais ...

Eunápolis: Secretária Adail na mira dos vereadores

Mal acabou a eleição do 2º turno para presidente, Eunápolis já respira o clima eleitoral de 2016. Praticamente todos os 17 vereadores estão mirando na secretária municipal de Educação, Adail Brito, por acharem que ela será candidata a vereadora. Os edis planejam procurar o prefeito Neto Guerrieri para pedir a cabeça da secretária, que estaria usando o cargo de olho na campanha de 2016, segundo os parlamentares. O que será que o prefeito fará? Não perca as cenas dos próximos capítulos. Bahia40graus não conseguiu ouvir ainda a secretária Adail, para que ela dê a sua versão dos fatos. Nenhum vereador quis falar oficialmente sobre o caso.

Leia mais ...

Bahia 40 Graus

  • Fundado em novembro de 2012
  • O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.
  • Tel.: (73) 3281-6908 / (73) 8148-9300